setembro 17, 2015

1 tag, 2 avisos, 3 projetos, muitos animes... AULAS


Então... ainda nem consegui responder aos comentários do post anterior, mas dêem-me um desconto. Amo ler os vossos comentários, são algo que valorizo imenso, mas o tempo não costuma estar a favor de quem se compromete com coisas demais. As aulas aqui em Portugal acabaram de recomeçar - detalhes no fim da postagem - e de qualquer modo terei tempo para o fazer, porque agora só postarei uma vez em cada duas semanas. Para todas as ideias que eu tenho, é realmente uma pena, se clicarem no ler mais irão ver tudo aquilo que eu quero postar e a esse ritmo demorarei imenso até partilhar as minhas ideias. O que vou escrever aqui não é particularmente útil, mas ajuda a matar a curiosidade e foi uma maneira de eu mesma me organizar e obrigar a cumprir com o que digo, já que após prometer algo aos outros detesto voltar atrás com a minha palavra. E cá vai o combo!

Tag {tirada do blog da Hinata}
Sou muito ocupada. Acho que ler este post já basta para dar uma ideia. Também sou bastante teimosa, principalmente no que toca a explicar o meu ponto de vista - se não quiserem acreditar, não acreditem, mas oiçam-me até ao fim!

Não suporto calor - por ter alergias -  baratas - por motivos óbvios - pessoas com pouca personalizado, quero dizer vontade de ajudar, de criar coisas, terem projetos, de se mexerem para solucionar problemas, pouco confiantes em si próprias ou mesmo nos outros, e que não tenham interesses.

Eu já briguei muito com a minha mãe e a minha irmã. É raro passarmos algum dia sem discutir, contudo, então eu acho que até sentiria falta das expressões de ódio e dos debates acesos que passam de racionais a despropositados em segundos. Suponho que faz parte do quotidiano, eu pelo menos divirto-me bem com isso >.<

Quando criança eu não gostava que a minha mãe arrumasse o quarto, porque isso implicaria destruir a casinha de legos que eu demorava dias a construir. E aliás, queria ser fada.

Nesse exato momento estou a planificar como seria um AMV de No.6 a partir das imagens que tenho do mangá e desta música (www) que acabei de conhecer. Algo bem infrutífero, considerando que não sei trabalhar com programas de vídeo.

Eu morro de medo de perder a minha irmã. Seja no sentido que for. Ela é a pessoa mais importante da minha vida.

Eu sempre gostei de desenhar e escrever. Eu passava horas a trabalhar em pequenas coisas de que agora até me envergonho, mas que na altura considerava perfeitas.

Fico feliz quando sou reconhecida pelo meu esforço, pelos meus projetos, pelos meus desenhos, escrita... e fico feliz quando consigo alcançar os meus objetivos por força própria, ou quando consigo ajudar os outros a alcançar os seus.

Se pudesse voltar no tempo... bah, recusava-me. Sim, voltar no tempo permitir-me-ia fazer muita coisa, e seria interessante rever momentos do meu passado, mas não os mudaria por nada. Acredito que tudo acontece porque assim tem de ser, desde que uma pessoa dê o seu melhor. E só sou quem sou por causa do meu passado, pois mesmo só tendo 17 anos, cresci bastante ao longo deles.

Adoro dias de chuva, frio, o som do mar, estar rodeada da minha papelada, pessoas com personalidade própria, ter conversas que valem a pena, rir, histórias com grande impacto, a minha irmã, gatos, alcançar novos objetivos, explosões de criatividade... acho que adoro imensa coisa, na verdade. Embora me farte facilmente de todas elas - não, não é fartar, mas não me posso deter muito tempo com elas, pois gosto de dar igualmente atenção a todas.

Quero muito conseguir ser médica mas sem deixar de reservar um tempinho para os meus projetos. Quero ainda construir uma eco-aldeia, aprender medicina alternativa e a fazer jogos ou filmes de animação.

Eu preciso de 3 coisas: Dinheiro, tempo, e de pessoas que gostem de me aturar.

Não gosto de  [CÓPIA EXATA DO QUE DISSE A HINATA] ver novelas. Os personagens são tudo um bando de surtados mimizentos que no ultimo episódio fazem as pazes, se casam e vivem felizes para sempre '-' [FIM DA CÓPIA] <===THIS SUPREMO

Avisos
  • Tal como disse em cima, só para reforçar, as minhas aulas começaram. Então só prometo postar uma vez a cada duas semanas
  • If only awards - Então, recentemente fiz um layout para este blog (www), outro blog de Awards ainda recém nascido ;) A Dove está a pensar em postar também sobre assunto variados nele, já que ainda não teve muitas participações, mas seria bom se vocês fosse lá participar. Eu inscrevi-me. E já agora, os blogs perdedores terão de publicitar o outro. Quando a dona inaugurar a noa votação, podem votar em mim?
Projetos
No.6: Como não podia deixar de ser, a minha paixão por No.6 está a ficar cada vez maior. Já acabei de traduzir a novel BEYOND, que, para quem não sabe, é uma espécie de continuação, e aqui estão algumas das coisas que pretendo fazer relacionadas ao fandom, ao qual tenho vontade de me dedicar a tempo todo.
  • Ler e recomendar fanfics
  • Escrever a minha própria fanfic
  • Adiantar o otome game - em breve solto mais detalhes, eu quero mesmo levar isso adiante. Ainda só fiz 7 cenários de 35, mas juntamente com tudo o que já planifiquei, parece-me um bom começo.
  • Continuar a postar com análises, fanarts, e tudo o mais no blog.
  • Fazer os meus próprios fanarts.

Fics minhas: Eu tinha decidido acabar a minha fic principal, Veneno, estas mesmas férias, o que não funcionou. Mas a verdade é que já está na sua fase final, com mais de 200 páginas. Então antes de me dedicar às minhas fics menores, ou mesmo há fic que quero de coração escrever de No.6, adoraria finalizar essa. É uma fic de fantasia medieval, com yaoi e tal, mas em que eu quero surpreender com um protagonista que aprende a superar-se e a recomeçar mesmo quando parece que a vida foi toda abaixo, que percebe que nem a nobreza nem o campo de batalha são para ele e que aprende a valorizar as pequenas coisas. Terá uma abordagem algo slice-of-life, algo bem invulgar para uma história de fantasia medieval, e é por isso que quero escrevê-la. Também terá algum drama/tragédia.

Postagens que tenciono fazer o mais brevemente possível:
  • Artigos mais interessantes das últimas semanas» Estou a pensar em fazer até disso uma coluna mensal do blog, onde reunirei postagens, links e outras coisas relacionadas ou não, que tenho achado por aí. É algo simples de ser lido, evita que eu repita posts interessantes que achei, compartilho curiosidades que me interessam e ainda ajuda essas páginas a aumentar as visualizações ;) Os links serão retirados desta lista (www) que venho há muito a fazer, mas selecionarei alguns artigos em específico e irei comentar os que escolher. 
  • Recomendações de blogs» Há vários blogs que adoraria recomendar e que desconheci por muito tempo. Na verdade, tenho uma lista completa de blogs bons aqui (www), caso queiram dar uma olhada em adianto, até porque é complicado falar de todos, não é? 
  • Resenhas a fazer» Principalmente, mas não apenas sobre animes. Sem dúvida quero resenhar Kuroshitsuji, Night Vale, e algum outro anime ou livro que tenha terminado até lá que considere que merece uma resenha completa. Se não, ficar-me-ei pelos comentários, como será o caso dos animes de Nabari no Ou, Owari no seraph, Ore monogatari, Kyoukai no Kanata, Sukite ii na yo, Karneval... entre outros. Eu adoraria resenhar séries, mas desisti de as ver, porque me roubam tempo que não posso disponibilizar. 
  • Tags: Não há muito a dizer, certo? Recebo qualquer uma que me queiram mandar ^^ Já agora, estou para fazer uma tag de música, em breve lanço, mas espero que dessa vez os créditos não desapareçam pelo caminho. 
  • Reflexões amorosas» Decidi que após ter falado de educação, heróis anónimos do dia a diacasamento gay, vegetarianismointeligência, coisas que mudaria na escola, entre outras... teria de intercalar de novo com um assunto que remetesse a amor. Desta vez acho que vou opinar sobre coisas ainda mais polémicas, como "será errado amar mais de uma pessoa?" e "as demonstrações de amor que fazemos são inteiramente espontâneas, ou também fruto da pressão da sociedade?". Para terem uma ideia, irei referir imensas coisas aí, pegando até mesmo no meu ship Nezushi e naqueles países onde um homem pode casar com mais de uma mulher. Mais pistas não dou :)
  • Variedades» entre elas, recomendações de otome games, de fics originais, de postagens literárias (maneiras de arruinar uma leitura + livros que quero ler no momento + clássicos em vista), páginas de mangás que mais me marcaram, um post onde me pergunto se certos animes deviam ser classificados como shoujo ou como shounen, um pequeno texto sobre bicicletas (com um certo lado reflexivo, mas também questões mais práticas), recomendação de artistas, um post sobre "a importância dos bastidores" que já tinha prometido há muito, recomendação de comics e manhwas... 
Animes que pretendo acompanhar da temporada de outono
Não deposito a maior confiança nos animes originais, embora em termos de arte tenha amado todos. E claro, antes assistir com expectativas altas do que baixas, assim é agradável descobrir que nos enganamos. Mas decididamente fiquei agradavelmente surpreendida - vá, confesso que quase pulei de alegria - quando não uma, não duas, mas QUATRO (pensavam que eu ia dizer três? >.<) CONTINUAÇÕES DE ANIMES QUE GOSTO FORAM ANUNCIADAS. São os 4 primeiros da lista seguinte, sendo Haikyuu um dos meus queridinhos, e Noragami bem querido sob alguns aspetos. K é aquele anime com uma arte e pintura magnífica que, mesmo não tendo a melhor história do mundo, também não é nada mau e é uma fonte de ships quase tão boa como qualquer anime de desporto. E Seraph é o anime que eu me esforcei por não gostar nem reconhecer - quer dizer, a história, pelo menos a adaptada pela primeira temporada do anime, não sai dos clichés de shounen - mas com os ships, uma arte tão bonitinha, e com uma excelente parte do mangá provavelmente em vista de ser adaptada, acabei por me render. 
  • Noragami Aragoto: Prévia
  • Haikyuu 2
  • Owari no seraph 2
  • K: return of kings: Prévia
  • Concrete revolution - Choujin Genshou: Prévia
  • High school star musical: Prévia
  • Tantei Team KZ - Jiken Note
  • Sakurako-san no Ashimoto ni wa Shitai ga Umatteiru: Prévia
  • Subete ga F ni Naru - The Perfect Insider: Prévia
  • Heavy Object: Prévia
E as AULAS começaram!
Hoje mesmo foi o meu primeiro dia de aulas, e portanto vim falar de como foi, já que os avisos adiantei no começo da postagem.

Então, a minha escola está lotada com tantos alunos novos, talvez por ter uma reputação tão boa acabou nesse estado. Não sei de que tamanho costumam ser as turmas ai no Brasil, mas aqui não costumam ter mais de 23, 24 alunos, enquanto que este ano, a minha e muitas outras têm 30 exatos. Não há um único lugar vago na sala. Só tenho dois professores novos, o de Geologia (que ainda não conheci) e a de Inglês, que conheci hoje, e de que gostei muito. Pareceu-me bem... enérgica, para professora de inglês. E achei que ela compreendeu bem os significados por trás das coisas que digo, que captou bem as minhas ideias. É raro isso acontecer logo no começo. A minha diretora de turma é a stôra de português, e achei o papel a cara dela ^^

Ano passado, na véspera das aulas, passei a tarde a rir-me de forma meia histérica, e entrei na escola com um desânimo espantoso. Este ano foi diferente: nem ontem nem hoje consigo realmente sentir que voltei às aulas, mas uma coisa é certa: apesar de não ter feito metade do que desejava nas férias (aff, típico), desanimada também não estou. Aliás, o meu horário é perfeito, com todas as tardes livres - embora eu vá ter de passar grande parte delas a estudar, só o facto de poder estar em casa já é bom. E passei o dia com um grande sorriso no rosto. Sinto-me assustadoramente feliz. Assustadoramente, porque não é normal, nem para mim, regressar à escola com um ar de felicidade radiante, e pergunto-me se é porque ainda não caí em mim. Mas não me parece. Estive até já a estudar um nadinha de português e matemática, só para não parecer que se varreu tudo durante as férias, e não foi particularmente custoso.

Só fiquei um bocado desiludida com uma coisa - sinto-me um bocado à parte. Oh, não dúvida de que estou perfeitamente integrada na turma e de que me darei bem com os novos alunos, todos eles me pareceram bem razoáveis. E claro, tenho um grupo de amigas que valorizo imenso. Mas apesar de toda a simpatia do ambiente, não sinto que esteja em "sintonia" com ninguém, que tenha gostos, uma maneira de pensar ou de agir em comum com ninguém. Por enquanto, no começo, ainda há assunto (dá sempre para perguntar como correram as férias), mas não me vejo a ter uma conversa digna desse nome com ninguém, não tenho nada de que falar de que interesse a pessoas da minha idade, e de qualquer forma mesmo com as minhas amigas sendo queridas, elas automaticamente arranjam conversas entre si. Sentei-me na sala, e ninguém quis ficar ao meu lado. Foi na mesa da frente, e eu sei que isso assusta muita gente, mas se alguém tivesse mesmo vontade de ficar comigo, acho que isso não seria o suficiente para amedrontar a pessoa. E eu até gosto de ficar sozinha ou de trabalhar individualmente, habituei-me a isso desde pequena e apanhei-lhe algum gosto entretanto, mas quem me conhece mesmo bem, sabe que eu adoro falar e estar com outras pessoas, que eu adoro compartilhar ideias e gostos, tagarelar sobre tudo e sobre nada, ajudar... eu acho que as pessoas da turma, mesmo os novos alunos, me vêm como pouco tímida, simpática (embora com o seu lado rude/demasiado direto) e prestável, mas também como alguém que fica bem no seu próprio canto. É, eu gosto do meu próprio silêncio e espaço pessoal, mas nem sei se esse é o maior lado de mim. Ter ido e vindo da escola sem ter uma grande conversa com ninguém, estar rodeada de pessoas mas sentir-me distante, sem ninguém que sentasse ao meu lado durante as aulas... fez-me regressar com uma bela sensação de vazio. Que foi minha conhecida durante anos, mas que eu estava a deixar de sentir. Graças a algumas amigas em particular, mas elas têm outras pessoas a quem querem dar mais atenção - e eu não quero implicar com isso, acho normal e fico feliz por elas - portanto mesmo quando eu estou por perto, mesmo tentando iniciar alguma conversa, não cola. Não por mais de segundos.

Se calhar era por prever isso que eu queria tanto que a minha irmã tivesse vindo para esta escola. Já tem idade e o diretor da escola teria feito toda a questão de a deixar entrar, mas segundo ele próprio, esta escola e a minha escola antiga têm uma certa rivalidade. A escola antiga não quer perder bons alunos (como o caso da minha irmã) para a minha escola nova, então enviou a matrícula muito mais tarde. Claro que depois não foi aceite, porque as vagas já tinham esgotado. Teria sido tão bom tê-la na escola comigo, não só por ser mas fácil para ela chegar à escola, mas porque poderíamos passar os intervalos juntos se estivéssemos demasiado abatidas perto das outras pessoas. Eu provavelmente pareço muito forte, distante e fria para quem me vê pessoalmente, sempre com ideias altos, gostos incomuns e rodeada de papelada, mas até diria que sou de "fácil acesso", é fácil chegar à minha beira e subir depressa na minha consideração, arranjar assunto, porque eu gosto de falar de qualquer coisa, mesmo não conhecendo estou disposta a conhecer, faço perguntas, se preciso. Já se eu tentar falar... sei lá, de animes, ou de salvar animais, a outras pessoas, elas parecem responder só por cortesia, muitas das vezes, e como eu não quero forçar ninguém, calo-me.

Quando tenho com alguma pessoa da minha idade uma conversa de mais de 5 minutos, até me sinto mais leve, tamanho é o meu espanto e felicidade. Em contrapartida, uma vez já tive com a minha mãe uma conversa de mais de 8 horas seguidas. Não é defeito meu, portanto. Só que os outros parecem achar que eu não gosto muito de conversar, ou mesmo que não sou pessoa dada a sentimentos. É o oposto, mais ainda a parte dos sentimentos. Lutar por objetivos e estar sempre ocupada não faz de mim fria, na verdade, acho que é por me dedicar tanto a tudo que não há nada que eu não valorize, além de eu me apaixonar com uma facilidade tremenda, se quisermos levar a parte sentimental a esse ponto. Acho que sou capaz de me apaixonar simplesmente pela maneira como alguém fala comigo, pelas coisas que a pessoa parece pensar ao falar e pela coragem que teve - a sério, cada vez acho isso mais louvável - ao tentar aproximar-se e puxar assunto. Recentemente, a minha mãe postou no meu facebook a definição de sapiossexual (www), palavra que eu nem conhecia, mas identifiquei-me de tal maneira que até assustou. Não sei se a minha mãe só o fez por curiosidade, ou se suspeita que o sou, mas se suspeitava, conhece-me muito, muito, muito, muito bem.

E acho que é tudo. Au revoir!
{sejamos sinceros: há perfeição maior do que cenários de anime?}


8 comentários:

  1. YOOOOOOO ANY-CHAN \O/

    Enfim...........MEU DEUS COMO ASSIM AS AULAS JÁ COMEÇARAM AÍ!? E COMO ASSIM UMA POSTAGEM A CADA DUAS SEMANAS!? Ç^Ç.....Pô terei que esperar DUAS semanas para poder surtar aqui T-T

    Mas, falando sobre a tag:

    Eu até um tempo atrás estava na maior brisa, mas depois de entrar para a faculdade......ADEUS BISA Ç^Ç, saudades ficar em casa de bobeira! Aliás, ultimamente tenho estudado todos os dias, até nos finais de semana por causa da penca de conteúdos e coisas para memorizar que tenho T-T. E sobre teimosia THIIIIISSSS SUPREMO! Aliás, eu sou dessas que no meio da teimosia faz o maior drama junto (e modéstia parte sou boa na parada do drama shaushaushua).

    COMO ASSIM NÃO CURTE CALOR!? VELHO, CALOR É ALGO SOBERANO <3 Finalmente, o frio está indo embora e estamos entrando na gloriosa primavera <333333 Nossa, eu já estava que não aguentava mais ficar encasacada ¬¬'' E BARATAS SÃO BICHOS SATÂNICOS! NA BOA, MALDITO SEJA O ANCESTRAL QUE DEU ORIGEM AS BARATAS!

    shaushaushau, só fico imaginando a cena de vocês brigando!

    MEU DEUS TE ENTENDO COMPLETAMENTE NA PARADA DE CRIANÇA! Velho, eu e meus irmãos fazíamos uma baita cabana com os lençóis e depois vinha a minha mãe acabar com tudo Ç.Ç

    E como assim tu queria ser uma fada!? Aliás, isso me lembrou MUITO da protagonista do mangá/anime Skip Beat, ela é xonadona por fadas e até desejava ser uma! XD

    Olha, sobre a parada do AMV, eu achei um site muito bacana com tutoriais que ensinam a mexer num programa chamado Sony Vegas (http://www.brainstormtutoriais.com/).

    A sua relação com a tua irmã é realmente muito linda! Vocês parecem se dar super bem, aliás, qual é a diferença de idade de vocês!? Pois, parece até que possuem a mesma idade por se relacionarem e entenderam tão bem XD Já eu e meus irmãos, sei lá, acho que temos uma relação normal, eu me entendo melhor com a Nanda-chan, uma vez que somos mais próximas na idade e ela é garota e otaku também. Já com o meu irmão mais novo eu também me dou super bem com ele, aliás, adoro falar de jogos com ele, mesmo eu não manjando absolutamente nada sobre isso e.e''''' porém ele é muito implicante e vive provocando eu e a Nanda-chan, então tem vezes que estressa e acabamos nos tapas e chutes e.e'''''

    Cara, teus desenhos são MUITO FODAS XD, aliás, estou louca para ver os teus desenhos do Otome Game de No.6 <333333333 e você escreve muito bem, aliás, eu amaria poder ter esse seu mesmo gosto pela escrita!

    shaushaushau tamo junto nessa! Eu também estou precisando com urgência de Dinheiro, tempo e pessoas que me aturem, porque a coisa tá difícil, viu! Na boa, COMO DIABOS VOU COMPRAR MEUS SHOUJOS E DOCES SEM GRANA!? Ç.Ç Sem mencionar que o Brasil lindamente resolveu entrar em crise econômica e agora TÁ TUDO AUMENTANDO Ç.Ç, meus doces estão subindo de preço Ç.Ç E cara, eu tô necessitando de tempo, caso contrário como darei inicio ao meu projeto de mangás shoujos!? T-T

    shaushaushau, na boa novelas são coisas extremamente fumadas! Depois minha mãe fica falando dos meus animes, mas na boa.......As novelas dela conseguem ser muito mais bizarras e surtadas!

    AI CARA, NEM ME FALE DA NOVEL DE NO.6! Cara, semana que vem tenho prova de anatomia, ou seja, ADEUS FIM DE SEMANA Ç^Ç.....Mas, assim que essas provas acabarem vou me deliciar nessa novel de No.6 E NÃO TERÁ ANATOMIA E HISTOLOGIA QUE ME IMPEÇAM DISSO!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. GÉZUIS 35 CENÁRIOS!? Nossa, o negócio aí tá ficando incrementado!

      COMO ASSIM 200 PÁGINAS!? CARA, MINHAS APOSTILAS DE ANATOMIA TEM 200 PÁGINAS! Gente, que tretas malignas tem nessa fic!?.......................Ou será que são 200 páginas de pura safadeza entre machos!? e.e

      Cara, estarei esperando pelo post de recomendação de blogs! Sou terrível para encontrar bons blogs assim de cara, aliás, todos os blogs que conheço e que criei um vínculo foi graças a terceiros! Portanto, tô aceitando altas recomendações <3

      MUAHAHAHAHAHAHA! VOU SURTAR ETERNAMENTE COM O POST DE KUROSHITSUJI! NOSSA, MEU DEUS! O NEGÓCIO TÁ CADA VEZ MELHOR: Pandora, Code Geass e Kuroshitsuji <333333333

      Tags são um problemão com os créditos! Volta e meia me brotam tags só com as regras, mas sem os créditos nelas =/

      Cara, esse post sobre amor está prometendo altas filosofias e comentários bombásticos! ESTAREI ESPERANDO ANSIOSAMENTE POR ESSAS FILOSOFIAS! XD

      Enfim, e finalmente comentando sobre a escola:

      Bem, eu sinceramente fiquei SUPER FELIZ em ter terminado o ensino médio! Não que eu odiasse ir para a escola, na verdade eu consegui me divertir bastante a partir do segundo ano, MAS ERA UM SACO TER QUE ATURAR AQUELE BANDO DE MATÉRIAS ENVOLVENDO MATEMÁTICA E TER QUE ATURAR EDUCAÇÃO FÍSICA!

      Enfim, mas falando sobre o que você disse.......ANY-CHAN EU TE ENTENDO COMPLETAMENTE! MEU DEUS, ME ABRAÇA PORQUE EU SEI EXATAMENTE O QUE É ISSO! Cara, apesar das minhas loucuras aqui eu sempre fui uma pessoa extremamente tímida com estranhos, então assim que eu entrei no ensino médio eu não tinha nenhuma amizade, até formei uma que outra pequena amizade no primeiro ano do ensino médio, mas eramos mais conhecidos do que amigos mesmo, portanto eu sempre ficava mais no meu canto quietinha. Só consegui fazer alguma boa amizade a partir do segundo ano, lá eu encontrei umas amigas bacanas.

      Entretanto, eu dificilmente tenho os mesmos assuntos do pessoal da minha idade. Pois, sou dessas que prefere conversar sobre animes, desenhos, jogos, biologia do que esses assuntos sobre namorados, fulaninho tal, treta tal, sobre festas e coisas do gênero. Tanto que eu consigo conversar muito mais abertamente e de boas com o meu primo rafa (aquele do yaoi), que curte games e coisas do tipo, do que com a minha prima que é apenas um ano mais nova do que eu, no qual curte festas e coisas do gênero.

      Eu tenho apenas uma amiga, AMIGA MESMO, sabe! No qual, eu consigo conversar completamente normal e de boas, pois já somos amigas há vários anos. Portanto, mesmo que eu não fale sobre animes com ela, pois ela não é otaku e nem sonha o que diabos é isso, nos entendemos super bem e sempre temos fofocas ou alguma coisa bizarra para contar ou nos relembrarmos. Mas, com as minhas amigas de ensino médio eu ainda sou meio fechada, tanto que elas acham que eu sou mais madura e um tantinho pouco sentimental.

      Enfim, ai cara...........Agora fiquei pensando o quão foda seria se fossemos colegas! NOSSA ROLARIAM ALTOS SURTOS NAQUELA SALA! Aliás, sobre sentar na fila da frente, eu sinceramente não vejo problemas! Aliás, é até melhor para aprender o conteúdo e é possível ter um contato maior com o professor. Tipo, nas minhas aulas de histologia eu sento bem na frente do meu professor.

      Sobre a sua irmã, em que série que ela está!? Aliás, que puta sacanagem essa da escola da sua irmã! Okss que as escolas não querem perder seus bons alunos, mas poxa prejudicar um aluno só por causa de uma rivalidade, sinceramente achei isso bem infantil da parte deles. Ainda mais porque uma escola deveria justamente ensinar o entendimentos e companheirismos um com os outros.

      E......O QUE DIABOS É SAPIOSSEXUAL!? '-' ~indo ler as informações do link~.........Bem, que eu imaginei algo do tipo devido ao "Sapio". Enfim, eu tenho que admitir que isso combina perfeitamente com você e que isso me fez lembrar imensamente de NezuShi!

      Enfim, só digo uma coisa: NUNCA duvide dos poderes de uma mãe u.u

      Bem, vou ficando por aqui! Boas aulas para ti e espero que aproveite o seu ensino médio XD

      Kiss

      Eliminar
    2. E cá "brotei" eu de novo para responder ao seu comentário, sim, porque esta sexta feira tem post novo ^^ Viu como nem custou tanto a passar?

      Eu vou ser sincera, ficaria extremamente feliz se o ensino por aqui se baseasse tanto na memorização, pois acho bem mais fácil memorizar algumas coisas do que fazer raciocínios - pelo menos a físico química, que eu já nem tenho, mas terei de repetir o exame porque esse não correu bem e está a estragar a média. Isso significa: ainda não estou livre. Confesso que sinto alguma falta de quando você postava com mais frequência, mas também é muito bom saber que você sabe impor limites e fazer o que está certo quando é preciso estudar mais. Compreendo a situação perfeitamente. Aliás, também compreendo a parte do drama, também faço isso de vez em quando >.<

      Hahaha, eu ainda morro de riso como temos tanta coisa em comum mas somos o completo oposto nisso de preferir calor ou frio. Eu acho que morria num país tão quente como o brasil! Mas pelo menos concordamos quanto às baratas. E e também adorava fazer cabanas com lençóis, era tão giro :3

      É mesmo, você não viu skip beat recentemente? Fico à espera da resenha, porque até agora a única coisa que conheço desse anime são gifs e não faço a MENOR ideia do que esperar. Oh, além de que afinal me identifico com alguma na protagonista >///<

      Adicionei o site nos favoritos, para dar uma olhada quando tiver mais tempo. ARIGATOU!

      A minha irmã é 4 anos mais nova que eu, mas é precisamente como você disse, parece que somos da minha idade, mesmo em termos físicos, pois embora sejamos muito diferentes em aparência e ela não tenha os mesmos "impulsos criativos" que eu (ou que você, com a sua parada dos mangás), ela é até da mesma altura que eu e compreendemo-nos perfeitamente. Mas tapas e chutes fazem parte, eu acho >.< E do seu irmã nem sei muito, mas sei que se dá bem com o seu primo rafa, e já agora: AINDA ESTOU À ESPERA DA ENTREVISTA. Espero que ele já tenha visto No.6 todo.

      Sobre No.6, o otome game é capaz de demorar mais a ser concluído do que eu esperava, porque tenho sempre coisas demais para fazer, e entretanto tive ainda ideias para outra fanfic de No.6 que só comecei a escrever há uns dois dias e já deve ter mais de trinta páginas. Então eu quero aproveitar essa vontade toda enquanto a tenho para escrever o máximo possível. Em breve revelo mais ^^ Já agora, NÃO, não são duzentas páginas de "pura safadeza entre machos" ~embora eu me tenha sentido tentada a dizer que sim~, até porque a parte do romance mais explícita e tal só começou realmente no capítulo anterior. É que a história é também sobre Yarley e como ele aprende a apreciar a sua nova realidade, apesar de ser mais dura. Como pode ver, tem mais enrolação que shoujo. Sobre desenhos em geral, JÁ ENVIEI O HIJIKATA, sei que a Snow já recebeu. E você, chegou aí alguma coisa?

      Eliminar
    3. Acho que os preços estão a aumentar em todo o lado, e realmente não é justo, então e os seus shoujos? ;) Fico feliz por já ter o volume 4 de Ao haru ride. Aguarde novos posts! *insira aqui musiquinha impactante*

      Ora, eu diria que agora com as minhas aulas a coisa já está mais animada nisso de amigos, e uma colega minha veio até para o meu lado, mas é verdade também que ainda assim não consigo falar delas da mesma forma que falo com você. Aliás, eu já pensei E MUITO no quão seria espetacular sermos colegas de turma ou pelo menos de escola, seria para passarmos o intervalo inteiro a falar. De animes, yaoi e surtos, filosofias, e seria muito mais fácil para mim contar as novidades ou, nem que seja, alguns episódios engraçados aqui com os meus gatos. Acho que a impressão que algumas pessoas talvez tenham de mim de calada ou desinteressada iria completamente por água abaixo. Ainda bem que você tem essa amiga especial, é aquela de quem fala em alguns posts, certo?

      Ah, e já nem me importo (embora seja mesmo uma sacanagem) pela minha irmã ter ficado na escola de cima, porque este ano vai ter dois professores que eu adorei com todas as minhas forças. Aliás, quando soube disso, fiquei tão feliz que me ofereci para ir apresentar um livro à minha escola antiga e irei hoje mesmo, porque eu gosto de apresentar, e porque a minha antiga professora de português gostava de me ouvir, tenho a certeza. E adivinhe que livro é que vou apresentar (só vou apresentar a versão livro, mas aqui uma pista: teve adaptação para mangá e para anime. Ficou muito óbvio, não foi? >///////<)

      Realmente, é melhor não duvidar dos poderes da minha mãe, agora pergunto-me se ela realmente acredita que eu o sou... Ainda nem acredito que ela descobriu tão facilmente. Conhece-me assim tão bem? Ou eu sou assim tão fácil de ler?

      Eliminar
  2. Yo,Any!
    Três coisas que eu super concordo com você:
    1º-Não suporto calor. É terrível, principalmente pra pessoas "cheinhas" como eu. Apesar de que estações quentes sejam as melhores pra praticar esportes, que é uma coisa que eu adoro, eu não suporto ficar toda suada, essas coisas assim, sabe?
    2º- Também morro de medo de perder a minha irmã e os meus pais. Eu amo eles demais, não sei nem como eu ficaria se algum deles viesse a falecer, sabe? Acho que eu entraria em depressão, mas o que importa é que eu curto a minha vida com os três da melhor maneira possível, pra esquecer que isso pode acontecer um dia!
    3º-Também não suporto ver novelas pelos motivos que a Hinata falou e também porque personagem de novela tem um problema crônico: sempre tem um personagem ou dois que são cornos cegos, e eles são completamente irritantes, fora que as personagens femininas também não são agradáveis.

    Cara, teu Layout tá P-E-R-F-E-I-T-O. Claro, eu preferiria ele com umas cores mais frias (tipo preto, roxo e um rosa bem chamativo mesmo ou vermelho) e com uma temática de anime que correspondesse ás cores (um Kuroshitsuji da vida, ou um DiaLovers, Shiki, Another, alguma coisa do gênero).

    Dos animes que eu ainda pretendo ver (ou melhor, terminar de ver) estão Charlotte, Shokugueki no Souma, vou começar a ver a segunda temporada do DiaLovers e tals, enfim, tem bastante coisa.

    As escolas brasileiras que tem essa quantidade de 24, 25 ou 30 alunos são só as particulares, porque as públicas tem em média 35,40 ou até mesmo 60 alunos por sala. Pode parecer um número gigantesco e até mesmo exagerado mas não é, principalmente aqui no nordeste, de onde eu sou (mim ser paraibana, mas não sou mulher-macho). Meu pai, que é um professor de matemática, chegou a dar aula em uma turma com 65 alunos (tu já deve imaginar a algazarra).

    No meu caso, essa sensação de vazio se repete todos os dias. Na minha escola (que é particular), eu tenho bolsa por ser filha de um professor de lá, eu não tenho um grupo de amigas, porque as meninas da minha sala são, em grande parte, nojentas, mesquinhas e falsas. Eu só tenho uma amiga de verdade na escola toda, que conversa comigo todos os dias e que tem os mesmos gostos que eu. Meu grupo de amigos é 93% fomado por meninos, mas eu ainda me sinto incomodada falando com eles, porque as meninas da minha sala não encaram a minha conversa com eles só como amizade, e eu não tenho na cabeça de que seja mais que isso, entende? Eu brinco com eles, nós falamos de games, animes, essas coisas assim, mas eu fico ABSURDAMENTE incomodada com as meninas da minha sala. Sei que isso não deveria acontecer, mas acontece. Eu sou excluída de tudo que fazem na sala porque:
    1-Eu tenho diversos contratempos, e na maioria das vezes, não posso participar de nenhum evento na escola, mas meu colegas entendem como má vontade, coisa que não é, e acabam parando de me chamar pra tudo;
    2-Apesar de tudo, eu não sou uma menina de classe média e tals. Eu posso dizer que sou pobre, mas não uma pobre miserável, sabe? Por isso, diversas contribuições que a sala pede eu não posso pagar, e elas vem cheias de mimimi pro meu lado só por isso. Mas eu sou rica de espírito, e é isso que vale.

    Sabe, estou passando a me familiarizar muito com você, porque as pessoas também me acham fria, fechada, séria demais que só tira brincadeira leve, que não é zueira e é CDF, mas eu não sou uma pessoa tão difícil assim, eu sou aberta para novas amizades sempre que precisar.

    Comigo, esse lance de se apaixonar é muito difícil, mas eu não gosto que fiquem arranjando alguém pra mim, e isso entra naquela questão de gente que fica fazendo namoriquinho entre mim e algum menino da minha sala,e isso me deixa furiosa, principalmente por causa do meu pai, que não gosta dessas coisas, e eu amo meu pai e minha mãe mais do que qualquer coisa do mundo, e respeito demais eles. Essas coisas os incomodam muito, mesmo eles dizendo pra mim que não.

    Bem, boa sorte na volta ás aulas, te desejo bons estudos! ♥♥♥♥

    http://docetesrevolts.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ohayou ^^

      Exatamente, o calor é insuportável, e embora eu nem me considere cheinha, também não sou particularmente magra. E ficar suada também me irrita, até porque eu suo muito. Se fosse com os meus pais, eu não penso que ficaria deprimida, aliás, acho que depois de uma fase mais desanimada eu me agarraria mais ainda aos meus objetivos e teria de os conseguir à força toda, mas se fosse com a minha irmã, não sei como é que iria reagir. E prefiro continuar na ignorância. "Cornos cegos": como definir personagens de novelas.

      OBRIGADA. Eu de vez em quando faço layout com um anime específico para tema, mas é mais comum fazer com uma temática mais ampla, e depois escolho cores em função das imagens que encontrar. Mas sim, terei de fazer mais algum layout escuro em breve :)

      COMO É QUE OS PROFESSORES CONSEGUEM DAR AULA EM TURMAS TÃO GRANDES?!?! Eu acho que aqui seria impossível, se já com 30 às vezes chega a ser difícil, assim mais ainda. Como é que os professores vigiam tudo, ou como é que as pessoas do fundo da sala prestam atenção ao que é dito?

      Eu tive anos em que fui EXATAMENTE como você na escola - e entendo na perfeição o que quer dizer com pessoas nojentas, ou o facto de as pessoas terem parado de a convidar, ou ainda o detalhe de se ser ligeiramente pobre (sou como você: não miserável, mas ainda assim já tive de recusar algumas contribuições também), mas nos últimos dois anos sinto que tenho achado boas companhias. O problema é não haver identificação, e agora ando a sentir-me meia solitária de novo, pois apesar de estar sempre rodeada de pessoas, nunca poderei falar durante horas com elas sobre as coisas de que gosto ou as minhas filosofias mirabolantes. Eu também me estou a afeiçoar bastante a você, quem diria que éramos tão parecidas :)

      Oh, eu apaixono-me facilmente, mas faço por não dizer a ninguém, em parte por culpa dessa fofoquice toda.

      Jaa!

      Eliminar
  3. Oeeeeeeeeeee moça *-*
    E já imagino como deve ser ocupada mesmo! E também sou muito teimosa, mas fazer o que né KKKKK.
    Entre frio e calor, prefiro calorzinho e o verão :c, quando tá frio eu acho as coisas muito paradas pro meu gosto, sério, pelo menos onde eu moro, já tem um clima parado até no verão, quando é frio então...piora tudo ;-;. E barata é um bicho muito nojento, besouro e barata, dois insetos que não posso chegar perto pra matar KKKKK, mó nojo.
    Imagina poder ser uma fada? Nem sei o que elas fazem de especial direito, mas dá pra voar né SHUSHSUSHUS. Hm e eu gostaria de gostar de escrever, ter paciência pra isso Ç-Ç, porque até que tenho uns enredos na minha cabeça seja pra fanfic ou sei lá o que, mas quando vou colocar em prática, parece que nunca consigo encontrar as palavras certas pra se encaixar direitinho.
    Voltar no tempo dependendo pode ser legal, mas eu fico pensando se corrigir algo do passado não poderia mudar muito o futuro e etc...viagens no tempo eu penso que deve ser algo perigoso demais.
    E dias de chuva é bom mesmo <3, claro que nem sempre gosto, mas eu acho que a chuva deixa um clima diferente as vezes, ainda mais quando é tempestade KKKK. Só que depende o dia :v.
    E votarei sim em você nessa votação aí e OH MY GOD O LAYOUT É DA KYARY <3, aquela diva <3.
    E to curiosa sobre esse Otome Game o.o.
    AI MEU DEUS, NÃO POSSO ME LEMBRAR QUE NORAGAMI DAQUI Á POUCO TÁ AÍ PORQUE MEU CORAÇÃO TEM UM TRECO, É NORAGAMI MEU DEUUUUUUUUUUS, SEGUNDA TEMPORADA, SOCORRO, VER YATO EM AÇÃO DE NOVO, YATORI, O YUKINE, BISHAMON, KOFUKU, AIN ADORO! Só não sei se eles vão seguir o mangá, porque pelo que eu saiba o mangá não tá muito na frente não...

    Ahhh e eu não sou muito de puxar assunto com as pessoas :c, por timidez mesmo, só com minhas amigas que eu consigo mais, até porque elas gostam de animes também e sei lá, a gente acaba sempre tendo algo pra conversar, mas do mesmo jeito não falo muito. Então por isso nas turmas de escolas geralmente sou uma das mais quietinhas, que não diz nenhum palavra, se alguém não falar comigo :v. Tipo assim, sou daquelas que não gosta de chamar a atenção nem um pouquinho, então fico sempre no meu cantinho de boas :v, as vezes só observando ou desenhando mesmo u.u. E tem dias também que eu me sinto feliz na escola, indo pra escola, maioria das vezes eu acho um tédio enorme, mas tem vezes que a turma tá tão feliz, todo mundo se divertindo, que eu acabo ficando também. Ainda mais que as vezes eu e minhas amigas conversamos quando não tem nada pra fazer na aula, direto, com assuntos legais que eu também acabo tendo coisas pra falar, então fica mais legal. Porém né, maioria das vezes sou um zumbi de manhã de tanto sono e sem vontade de ir pra escola -q.
    E sério que fizeram isso por causa de rivalidade???????? O.O Masooooq
    E não sabia o que era sapiossexual, mas li ali no site o que é o.o, bem diferente, mas de qualquer forma, interessante.

    Enfim, adorei a postagem e sim, achei ela útil!! >.<
    Beijinhos e até mais!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Teimosia é um ponto forte nas mulheres, haha ;)

      A Hina-clone diz que você e ela são extremamente opostas, mas parece que nisso pelo menos concordam. E ~embora eu consiga entender isso do ambiente "parado" a que se refere, eu até que gosto dele, e outro motivo de eu não gostar do calor é por atrair bichos.

      Quando eu dizia que queria ser fada, era só pela parte de voar mesmo ^^

      Escrita vem da prática mesmo, mas pelo menos aponte um resumo das histórias num papel, para as poder recordar mais tarde, nem que não passem disso. Acho triste deixar uma boa ideia morrer tão facilmente. Ainda bem que gostou do layout da Kyary, já sobre o otome game, é capaz de demorar mais do que previ.

      YATO, YUKINI, KOFUKU!!!!!!! *.* São muito amor, isto para não falar que a animação do Bones é fenomenal.

      Que sorte ter amigas que gostam de animes. E entendo, muitas vezes a timidez é da pessoa mesmo. Na verdade nesse aspeto você é um pouco mais como a minha irmã, e ser contagiada pela felicidade dos outros é um sentimento ótimo. "um zumbi de manhã de tanto sono e sem vontade de ir pra escola -q." Tal como eu disse, é como a minha irmã ;)

      Eu já nem duvido mais dos poderes da minha mãe em conhecer-me >.<

      Jaa! Que bom que achou útil!

      Eliminar

♡ Saiba mais sobre o mim ou sobre o blog através do menu

♡ Quanto a comentários:
» Os pedidos são aceites nos comentários ou na ask (vejam o menu)
» Críticas construtivas são bem vindas. Barracos, não.
» “Seguindo, segue de volta?”, só serão aceites em blogs principiantes – e eu irei confirmar ao blog. Caso contrário será ignorado.
» Deixe o link do seu blog no fim do comentário e eu faço questão de pelo menos visitar e comentar.
» Pode usar estas carinhas:
=((•̪●))= ๑(•ิ.•ั)๑ ٩(●̮̮̃•̃)۶ ε(●̮̮̃•̃)з ٩(×̯×)۶̿ ┌∩┐(◣_◢)┌∩┐ ⊙▂⊙ ⊙0⊙ ⊙︿⊙ ⊙ω⊙ ⊙▽⊙ ⊙﹏⊙ ⊙△⊙ ◑▽◐ ◑ω◐ ◑﹏◐ ●︿● ●ω● ●﹏● ≧▂≦ ≧︿≦ ≧ω≦ ≧﹏≦ ≧▽≦ >︿< >ω< >﹏< >▽< ≡(▔﹏▔)≡ (¯▽¯;) <(“”"O”"”)> (-__-)b (;°○° ) \( ̄︶ ̄)> <( ̄︶ ̄)/ (/≧▽≦/) \(≧3≦)/ \(≧ω≦)/ o(≧ω≦)o o(≧o≦)o ㄟ(≧◇≦)ㄏ ╮(╯▽╰)╭ ╮( ̄▽ ̄)╭ (~o ̄▽ ̄)~o ~ 。。。(~ ̄▽ ̄)~[] (╯-╰)/ (*^3^) 'U_U ♪ ♥ ஐ ▲☼゚ ♣ (๏̯͡๏) †