agosto 01, 2014

Ouran Highschool Host Club

Okaeri ^^

Após decidir resenhar todos os animes que estou a acompanhar desta temporada, fugiu-me a coragem para ir adiantando a enorme quantidade de postagens e fui concluir um anime que comecei a ver há pouco tempo com a minha irmã: Ouran Highschool Host Club. Imagino que já muita gente tenha visto esse anime, mas não resisti a falar dele já que os episódios foram divertidíssimos de assistir mas nem por isso deixaram de tratar questões mais profundas.


O anime fala de uma garota, Haruhi, que apesar de pobre adquiriu uma bolsa de estudos para entrar no colégio para ricos de Ouran. Enquanto procurava uma sala sossegada para estudar, dá de caras com o Clube de anfitriões (Host Club) que, intimidando-a por a julgarem um garoto, fazem com que ela parta acidentalmente uma jarra valiosa. Não tendo condições para pagar, ela vê-se forçada a trabalhar no clube para saldar a dívida.

Antes de mais nada, vale lembrar que tudo o que eu disse em cima acontece no primeiro episódio e, ainda nesse, todos descobrem que Haruhi é garota - acreditem, a confusão era compreensível. Nos restantes episódios, escondendo o segredo dela, os membros do clube fazem aquilo em que são melhores: entreter as garotas ricas do colégio e eventualmente outro tipo de convidados, com doces, falas românticas e roupas adequadas à ocasião que querem celebrar. Parece enrolação? Bem, não é que haja algum objetivo além de mostrar o dia a dia dos protagonistas, mas garanto que todos os episódios têm um excelente ritmo e que nunca se detém demasiado tempo numa cena. Eu classificaria como comédia, entretecido com romance e pontilhado com drama.


Mas apenas pontilhado. Apesar de a maioria das personagens ter um passado duro ou dramático, não se deixam tomar pela tristeza. Em vez disso, como uma forma de agradecer à idiotice/alegria contagiante de Tamaki, que os tirou do seu passado, dão o seu melhor todos os dias para fazer o presente valer a pena. É isso o que eu mais gosto nas personagens, a dedicação delas e a felicidade que emanam. Conforme os episódios vão avançando e nós descobrimos mais sobre o que elas passaram, em vez de dar a sensação de que estão a ser falsos ou que apenas querem fugir da dor, a diversão é apenas reforçada e... bem, se vocês forem como eu, vão surtar bastante. E shippar.

Mesmo perto do final, quando vemos o verdadeiro peso da realidade fora do clube, todos os momentos são épicos à sua maneira. Os membros consideravam o Host Club como um sonho - algo bom demais que algum dia terminaria - porém, ao estar prestes a terminar, eles recusam-se a aceitar isso e fazem de tudo para impedir o fim do sonho. Ah, caso alguém desse lado do ecrã se esteja a revoltar, isto não é um spoiler. Ainda não disse se eles conseguem... Mas prometo que o final será digno, quer seja feliz ou triste ;)

Vamos falar das personagens que tornaram este o melhor harém invertido do mundo?

Tamaki
O idiota que teve a ideia de formar o clube e convenceu todos os membros a fazer parte. Apesar da ser um pouco burro quanto aos seus próprios sentimentos, compreende facilmente as outras pessoas e tenta sempre deixá-las felizes. É meio japonês meio francês. Também tem uma queda por Haruhi, embora se imagine como pai.
Haruhi
É pobre, estudiosa e não se preocupa nada com a aparência, daí ser confundida com um garoto no começo, apesar de ser fofinha. É bastante direta, bondosa e corajosa, tem medo de trovões e é muito independente. Entrou no Ouran para saldar a dívida, mas acabou por gostar do clube.
Kyouya
Irmão mais novo de 3, sempre soube que nunca deteria a empresa da família. Apesar de tudo, é o filho mais talentoso, inteligente, que parece um pouco frio mas tem uma grande bondade escondida, e se diverte ajudando o melhor amigo, Tamaki, sem este perceber. Também é ótimo a gerir o dinheiro.
Mori
A sua família já não é obrigada a cuidar da família de Honey, mas ele continua com essa tarefa simplesmente por gostar. Embora seja de poucas palavras, é muito bondoso, paciente, bom lutador e faz completamente um papel de paizinho.
Gémeos Hikaru e Kaoru
São os demóniozinhos do clube, sempre sarcásticos e prontos a troçar de toda a gente, mas são também os membros mais divertidos, que entretém as garotas simulando twincest (leram bem). A grande diferença é que, enquanto Kaoru é mais maduro, Hikaru acaba por ter um fraquinho pela Haruhi.
Honey
Inacreditavelmente, é o mais velho de todos, mas parece uma criança. É com essa aparência que encanta as garotas, juntamente com o seu gosto por doces, peluches, coisas fofas e estar sempre a encargo do Mori. Mas não se deixem enganar, porque é o melhor lutador de todos os tempos!
Quanto à parte técnica, não tenho muito de que me queixar. No começo tinha achado a opening um pouco antiquada e os traços invulgares, mas a sensação desapareceu logo no segundo episódio e, sinceramente, não os consigo imaginar de outra maneira. O anime pareceu-me bem dirigido e produzido pelo estúdio Bones, embora não tenha como comparar ao mangá, já que não li. Falando em mangá, este foi escrito e ilustrado por Bisco Hatori. Ainda foi adaptado para dois volumes de Light Novel, um jogo Visual Novel, um dorama de 11 episódios, um livro-guia e um live-action. Tanta coisa!

E acho que era isto. Não recomendo para quem está à procura de uma história mais intensa ou melancólica, mas quem quer descontrair ou não é muito exigente, estes são os episódios indicados.



6 comentários:

  1. Yooo tudo bom!?
    Nossa já faz um tempo que assisti a esse anime,sinceramente ele não entrou na minha lista de favoritos,sou do tipo que curte mais os animes com casais,brigas,dramas essas coisas um tanto clichês mas que no fim das contas todo mundo ama (ou não '-' ).
    Enfim,eu gostaria que o romance tivesse se desenvolvido mais,no entanto o anime não deixou de ser ótimo,me diverti com cada personagem,e com cada ''visita inusitada'' ao host club.Uma das coisas que mais gostei no anime foi o seu encerramento,pirei muito com aquela música (tenho até no meu celular kk ).
    Adorei o post >//////<
    Kiss

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, era o que eu pensava, a maior parte das pessoas já assistiu. Também não está no meu top de favoritos - também gosto de enredos mais profundos, tocantes e tudo isso - mas como eu disse no fim do post, é um ótimo anime para descontrair, além de que eu o vi com a minha irmã, portanto rimos imenso com os episódios >.< Oh, você também gostou da ending? *.* Jaa ne, e arigatou ^^

      Eliminar
  2. Já faz um tempão que vi esse anime, lembro das cenas dos gémeos, quando um pintou o cabelo de rosa e outro de azul ^^"
    E do Honey que sempre era tão fofo, mas conseguia devorar tantos doces em meros segundos, eu gostei imenso e ainda me dei ao trabalho de começar a ver o live action, mas acabei por parar, acho que não tem tanta graça, mas os personagens eram lindos na mesma XD

    ResponderEliminar
  3. É, eu deduzi que muita gente já tivesse visto >.< Os gémeos são as minhas personagens favoritas, ri demais com eles! O anime não está entre os meus favoritos porque falta aquele profundidade toda, mas como o vi com a minha irmã e queria mesmo era passar o tempo, veio na altura certa, foi tudo muito divertido. O problema de alguns live actions é que não captam o encanto todo que personagens de papel conseguem ter :)

    ResponderEliminar
  4. Ouram é a prova viva que quando o anime é bom, ele é bom e ponto final!!!! Você vai ama-lo acima que qualquer coisas.
    Tipo eu que não curte muito animes com esse traço e harém! (mesmo investido)

    E eu sou completamente apaixonada por esse anime!
    Ouram m dando uma lição! kkkkkk'

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ora nem mais, aliás, eu também não sou a maior fã de harém, mas eu acho que esse anime, embora não seja nenhuma pérola da animação, tem tudo o que é preciso para divertir, emocionar e ainda nos espantar (eu rimando aqui). Somos duas apaixonadas >.<

      Eliminar

♡ Saiba mais sobre o mim ou sobre o blog através do menu

♡ Quanto a comentários:
» Os pedidos são aceites nos comentários ou na ask (vejam o menu)
» Críticas construtivas são bem vindas. Barracos, não.
» “Seguindo, segue de volta?”, só serão aceites em blogs principiantes – e eu irei confirmar ao blog. Caso contrário será ignorado.
» Deixe o link do seu blog no fim do comentário e eu faço questão de pelo menos visitar e comentar.
» Pode usar estas carinhas:
=((•̪●))= ๑(•ิ.•ั)๑ ٩(●̮̮̃•̃)۶ ε(●̮̮̃•̃)з ٩(×̯×)۶̿ ┌∩┐(◣_◢)┌∩┐ ⊙▂⊙ ⊙0⊙ ⊙︿⊙ ⊙ω⊙ ⊙▽⊙ ⊙﹏⊙ ⊙△⊙ ◑▽◐ ◑ω◐ ◑﹏◐ ●︿● ●ω● ●﹏● ≧▂≦ ≧︿≦ ≧ω≦ ≧﹏≦ ≧▽≦ >︿< >ω< >﹏< >▽< ≡(▔﹏▔)≡ (¯▽¯;) <(“”"O”"”)> (-__-)b (;°○° ) \( ̄︶ ̄)> <( ̄︶ ̄)/ (/≧▽≦/) \(≧3≦)/ \(≧ω≦)/ o(≧ω≦)o o(≧o≦)o ㄟ(≧◇≦)ㄏ ╮(╯▽╰)╭ ╮( ̄▽ ̄)╭ (~o ̄▽ ̄)~o ~ 。。。(~ ̄▽ ̄)~[] (╯-╰)/ (*^3^) 'U_U ♪ ♥ ஐ ▲☼゚ ♣ (๏̯͡๏) †