janeiro 14, 2013

15 curiosidades sobre o japão


Oyahou gozaimasu, minna-san! 

Dedicarei esta postagem a falar do Japão e tentarei postar coisas interessantes que qualquer Otaku gostará de saber. Mais especificamente, é um top 15 de curiosidades. Com excepção das lendas japonesas, que são demasiadas para postar, tentarei fazer referência a aspetos muito diversificados e importantes, desde a cultura à gastronomia. Bom, espero que curtam a postagem, eu realmente fico fascinada com a cultura do Japão, embora tenha, como tudo, prós e contras. Mas o lado bom compensa :)


1 - Em muitos hospitais, mas também casas e noutras situações, avança-se o número 9 e 42 porque a sua pronúncia significa dor e morte, respectivamente. O número 4, que se pronúncia SHI (morte também), é igualmente associado a superstições, sendo que muitas casas não têm o quarto andar.


2 - As mãos podem assinalar relacionamentos: Levantar o mindinho significa namorada, o sinal de positivo quer dizer namorado, e entrelaçar os mindinhos é amizade eterna. Há uma lenda em que se amarra os mindinhos de duas pessoas com um fio vermelho, o Akai Ito, fio do destino, dizendo que o destino dessas pessoas ficará para sempre ligado, pois por muitas voltas que o fio dê, nunca se quebrará. 


3 - Algumas das maiores faltas de educação são entrar calçado numa casa (os sapatos devem ser deixados à porta, simbolizando deixar as impurezas da rua no lado de fora), falar com as mãos nos bolsos, abrir um presente na frente de quem o deu, chegar atrasado a um compromisso, entre outros.


4 - Não faz muito tempo a submissão da mulher japonesa era tão grande que ela precisava andar a 3 passos do marido, para não pisar sequer na sombra dele. Além disso, atualmente, mesmo que trabalhem no mesmo cargo que um homem, ainda receberão menos do que ele.


5 - No Japão, os carros são dirigidos da maneira inglesa: o volante do carro é do lado direito. Falando de carros, os motoristas de táxi dirigem de luvas brancas e os bancos dos carros são cobertos por finas toalhas de renda branca. E há carros totalmente personalizados, nomeadamente, com temas de anime.



6 - Em algumas boates, mulheres ocidentais tiram as roupas em cima das mesas, em outras, mulheres nuas fazem Strip-tease de traz para frente (vão se vestindo a medida que a musica toca).

No entanto, gueixas NÃO são prostitutas japonesas. Um post sobre elas aqui: www
7 - Alfabeto, eles têm três. Um mais simples, para crianças. Outro só para nomes estrangeiros (Katakana). E ainda um terceiro, o principal deles, com mais de dois mil caracteres (Hiragana + Kanjis). Esse último é complicadíssimo, tanto que muitos japoneses só vão aprendê-lo com mais ou menos 15 anos de idade.


8 - Os japoneses têm alguma dificuldade em compreender o improviso, tudo o que um japonês faz é estritamente dentro das regras, qualquer fala fora do script o deixa confuso.


9 - Os japoneses trabalham muito, o que os faz dormir pouco. Então cada minuto de tempo ocioso é aproveitado para um cochilo. Um japonês vai esperar algo ou alguém, vai andar de metrô ou fazer qualquer coisa sabendo que terá alguns minutos vagos, dorme. É um sono instantâneo. Na hora do compromisso o japonês acorda imediatamente.



10 - Eles evitam se tocar. Cumprimentam-se com reverências, não são adeptos de abraços e apertos de mão. Os namorados se tratam como amigos, não ficam um ao lado do outro e muito dificilmente se beijariam em público.


11 - As jovens não podem pintar o cabelo nem usar brincos antes de entrarem na universidade. Essa regra tenciona fazer com que sejam todas iguais, e quem a quebra é considerada transgressora.



12 - No Japão existem Maid cafés onde garotas se vestem de empregadas bem ao estilo anime e neko para servir quem lá vai. Podem inclusive jogar com os homens e tirar fotos com eles (por uma quantia exorbitante) para agradar. Também há com homens a fazer de mordomos.


13 - As 10 cidades mais populosas do Japão são, por ordem: Tóquio, Yokohama, Osaka, Nagoya, Sapporo, Kobe, Quioto, Fukuoka, Kawasaki e Saitama.


14 - É obrigatório fazer a escolaridade elementar (doa 6 aos 12 anos) e média (12 aos 15), a superior é opcional. Eles são treinados na língua japonesa, estudos sociais, aritmética e ciências, completadas com outras matérias como educação moral, artes, artesanato, música, trabalhos domésticos, educação física, inglês, saúde, história e geografia. Almoçam na sala com os professores, pão, leite e um prato principal. Enfim, há muitas coisas a dizer sobre o Japão, e achei um conjunto de vídeos incríveis aqui: www


15 - Acrescentar sufixos depois do nome das pessoas é uma forma educada de falar, e recomendável, pois é indicadora de estatuto. Com exemplos de animes, Naruto-kun, Hinata-chan...
  • Sama - demonstra que a pessoa com quem estamos a falar é de um estatuto bastante superior. Também é usada para se referir a deus, kami-sama
  • San - Significa senhor ou senhora, nem é demasiado lisonjeador nem demasiado próximo, apenas respeitoso. Pode ser usado em muitos casos, normalmente, quando não se é demasiado intímido da pessoa mas ela não é muito superior a nós, ou simplesmente quando se está em dúvida.
  • Chan - É um pronome maioritariamente feminino, usado quando se é bastante amigo da pessoa.
  • Kun - É um pronome maioritariamente masculino, usado quando se é bastante amigo da pessoa. Também pode ser usado quando superiores se referem a inferiores, aprendizes ou assim.
  • Han - equivalente de San, mas caiu em desuso.
  • Senpai - Usado por um aprendiz para o seu veterano, alguém que tem mais experiência em algo e até o pode ensinar às vezes.
  • Kohai - É o contrário de senpai, o veterano coloca no nome do novato. Mas é um bocado rude, assim sendo, é preferível usar kun.
  • Tono/Dono (maioritariamente, usa-se Dono) - Significa lorde ou mestre, mas já não há muita gente com esses títulos, daí ser mais comum em animes passados em eras antigas. 
  • Sensei - usado para professores

É isto, espero ter ajudado futúros visitantes. Tenho a certeza que se ai adaptar, principalmente se seguir essas dicas e não chamar demasiado a atenção :)

Confiram a parte 2 do post, com mais 15 curiosidades: www

Por favor não copiem, nem por nada, o texto na íntegra. Fui eu que fiz, tanto neste post como na segunda parte, e demorei muito tempo a pesquisar. Se reblogarem, dêm créditos.

8 comentários:

  1. Anónimo16.4.13

    Gostei... Muito Bom!!!

    ResponderEliminar
  2. Muito bom, de verdade! Algumas coisas eu já havia aprendido assistindo Naruto kk
    -------------------------------------
    Dicas-de-bffs.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Haha, você e eu ;) Gosto muito de animes, algumas pessoas dizem que é para crianças mas eu sou da opinião que se aprende muito com eles. Quem me dera ir para o Japão - a terra onde o impossível é possível.

      Eliminar
  3. Realmente você escreveu muito bem parabéns!

    sonhocomliberdade.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  4. Anónimo16.6.14

    Gostei muito e ajudou no trabalhobde escola,muito bem completo , bemescrito e nem parece que foi escrito por uma adolescente!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem, cá em Portugal acho que todos escrevemos assim, e este post até já é antigo, mas ainda bem que gostou, e agradeço.

      Eliminar

♡ Saiba mais sobre o mim ou sobre o blog através do menu

♡ Quanto a comentários:
» Os pedidos são aceites nos comentários ou na ask (vejam o menu)
» Críticas construtivas são bem vindas. Barracos, não.
» “Seguindo, segue de volta?”, só serão aceites em blogs principiantes – e eu irei confirmar ao blog. Caso contrário será ignorado.
» Deixe o link do seu blog no fim do comentário e eu faço questão de pelo menos visitar e comentar.
» Pode usar estas carinhas:
=((•̪●))= ๑(•ิ.•ั)๑ ٩(●̮̮̃•̃)۶ ε(●̮̮̃•̃)з ٩(×̯×)۶̿ ┌∩┐(◣_◢)┌∩┐ ⊙▂⊙ ⊙0⊙ ⊙︿⊙ ⊙ω⊙ ⊙▽⊙ ⊙﹏⊙ ⊙△⊙ ◑▽◐ ◑ω◐ ◑﹏◐ ●︿● ●ω● ●﹏● ≧▂≦ ≧︿≦ ≧ω≦ ≧﹏≦ ≧▽≦ >︿< >ω< >﹏< >▽< ≡(▔﹏▔)≡ (¯▽¯;) <(“”"O”"”)> (-__-)b (;°○° ) \( ̄︶ ̄)> <( ̄︶ ̄)/ (/≧▽≦/) \(≧3≦)/ \(≧ω≦)/ o(≧ω≦)o o(≧o≦)o ㄟ(≧◇≦)ㄏ ╮(╯▽╰)╭ ╮( ̄▽ ̄)╭ (~o ̄▽ ̄)~o ~ 。。。(~ ̄▽ ̄)~[] (╯-╰)/ (*^3^) 'U_U ♪ ♥ ஐ ▲☼゚ ♣ (๏̯͡๏) †